Um caso chocante pegou a cidade de Nova Mussum, no Mato Grosso, de surpresa: cantor sertanejo agrediu a própria esposa grávida

Um cantor sertanejo de Nova Mutum, situado a 240 km de Cuiabá, no Mato Grosso, está sob investigação policial após ser acusado de agredir sua esposa grávida na manhã da última quarta-feira, 1º de maio. O incidente ocorreu após a vítima preparar o café da manhã e levá-lo para o marido, que ainda estava dormindo.

De acordo com o site Ecos da Notícia, o cantor sertanejo em questão é Rogerin, da dupla Patrick e Rogerin. Segundo o boletim de ocorrência, a vítima relatou que, além de receber chutes na barriga, também foi empurrada. Ela afirmou ainda que o suspeito quebrou um espelho no quarto e danificou a porta do banheiro. Posteriormente, ele a expulsou de casa e lançou um prato em sua direção, porém sem acertá-la.

Segundo o relato, o agressor trancou a esposa para fora da residência e voltou a dormir. Devido às dores que estava sentindo, a vítima conseguiu pular pela janela e pegou seu celular para pedir ajuda à Polícia Militar, que prontamente atendeu ao chamado.

Quando os policiais chegaram à residência, encontraram a mulher do lado de fora, visivelmente abalada. Ela explicou que havia preparado o café da manhã para o marido, mas ele não gostou e reagiu com violência, desferindo chutes em sua barriga. Além disso, ela informou que o homem jogou a bandeja de alimentos em sua direção.

O cantor, por sua vez, alegou que faz uso de medicamentos controlados para dormir. No entanto, foi detido e conduzido à Delegacia de Polícia Civil para o registro da ocorrência e as devidas providências legais. As autoridades estão investigando o caso como um episódio de violência doméstica.

Sertanejo acusa a filha de extorsão

Cantor sertanejo acusa a filha de extorsão (Foto: DepositPhotos)
Cantor sertanejo acusa a filha de extorsão (Foto: DepositPhotos)

O renomado cantor Arlindo Cassoli, integrante da famosa dupla sertaneja Lourenço e Lourival, tomou uma medida drástica ao registrar um Boletim de Ocorrência por extorsão contra uma de suas filhas. O registro foi realizado no último sábado, 13 de abril, na CPJ (Central de Polícia Judiciária) de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo.

Segundo informações contidas no boletim, a filha estaria realizando incessantes pedidos por dinheiro, o que teria causado um grande abalo na dinâmica familiar. Os pedidos, descritos como “desmedidos, sorrateiros e demasiados”, teriam sido acompanhados de diversas justificativas, como problemas com o carro, ameaça de despejo e contas de energia.

A mulher em questão, de 43 anos de idade, é fruto de um relacionamento ocasional do artista, que atualmente tem 87 anos. Vale destacar que ela foi reconhecida judicialmente como filha do cantor após um processo movido por ela mesma no ano de 2019, o qual resultou em um teste de DNA positivo, confirmando a paternidade de Arlindo Cassoli.

Segundo informações da Record TV, a situação agora está nas mãos da Polícia Civil, que ficará responsável por investigar as alegações de extorsão feitas contra a filha do cantor. Ainda não há detalhes sobre as medidas que serão tomadas durante a investigação.

Já a reportagem do Acidade ON Ribeirão tentou contatar o advogado de Arlindo Cassoli para obter mais informações, porém, foi informado de que o cantor não irá se manifestar sobre o caso neste momento. Por outro lado, a defesa da filha, Juliana Fabíola de Siqueira, não foi encontrada para comentar a denúncia, conforme informado por Ricardo Canaveze.

Entenda os detalhes do caso:

_blank
Share.
© 2024 ThemeSphere. Designed by ThemeSphere.