Zé Neto abre jogo e se pronuncia após homofobia em live: “Não tenho medo do cancelamento”

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Após comentário homofóbico, cantor Zé Neto afirma não ter medo do cancelamento mas se desculpa com homossexuais ainda durante a live

A live sertaneja de Zé Neto e Cristiano ficou marcada nas redes por um momento de atitude homofóbica de um dos integrantes, o cantor Zé Neto. Na transmissão, que teve uma audiência abaixo do esperado, o sertanejo imitou homossexuais ao vestir uma camisa do São Paulo FC e foi criticado nas redes. Ainda durante o show, o músico se desculpou afirmando que “não tem nenhum preconceito com quem tenha outro tipo de opção”.

Embora o pedido de desculpa também tenha viralizado, o mesmo discurso sempre de que não teve a intenção não é o suficiente para apagar uma ofensa a uma comunidade que é historicamente marginalizada e violentada. Assim como no BBB 21, em que Rodolffo ofendeu minorias sociais com comentários preconceituosos, Zé Neto poderia ter tomado mais cuidado com as palavras e ações pensando na influência que pode ser para seus ouvintes.

Assuntos Relacionados 

Nos comentários da publicação, no entanto, fica evidente que uma parte da sociedade ainda é conivente com certas brincadeiras indevidas que perpetuam os preconceitos. “Aí como esse mundo tá ficando chato”, escreveu uma internautas, “Esse negócio do São Paulo é comum,zueira…Mas o pessoal prefere militar”, digitou outra. Vale lembrar porém, que essas ‘zueiras’ são extremamente dolorosas para que é violentado diariamente pelo crime de homofobia.

“Não estou preocupado se vão me cancelar, se vão me linchar, estou falando isso por causa de alguém ter se sentido mal. Eu tenho pessoas gays na minha família, gays como amigos e que trabalham comigo, não tenho nenhum tipo de preconceito com quem tenha outro tipo de opção.”, declarou Zé Neto. Confira o pedido de desculpas do músico no Instagram Gossip Do Dia:

Zé Neto é acusado de homofobia após imitar gays em live sertaneja

(Foto: Reprodução/Twitter)
(Foto: Reprodução/Twitter)

O meio sertanejo ainda tem um longo caminho a percorrer em busca de desconstrução em um mundo que precisa de mais empatia e menos preconceito. Por muitas vezes, polêmicas envolvendo cantores da música sertaneja como Rodolffo, que fez comentários desnecessários e que renderam muitas críticas no BBB 21, vem à tona e agora, foi a vez de Zé Neto desrespeitar a comunidade LGBT, gerando revolta.

Durante a live sertaneja de Zé Neto e Cristiano do último sábado (05), a dupla recebeu dos patrocinadores a camiseta oficial do time de futebol São Paulo FC. Zé Neto é palmeirense assumido, mas precisou vestir a camiseta do time Tricolor por ter perdido uma aposta durante a apresentação, no entanto, o sertanejo usou gestos de um estereótipo homossexual afeminado, já que os torcedores são paulinos são apelidados pejorativamente de “bambi” pelas torcidas adversárias.

Acontece que o aparente desrespeito de uma figura pública a essa comunidade historicamente perseguida e marginalizada não tem espaço em um país que violenta absurdamente gays, lésbicas, bissexuais e transgênero. Um exemplo claro disso foi a exposição de um caso recente de uma tortura inimaginável a um homem gay, que foi agredido na região central de Florianópolis (SC) e teve o corpo tatuado em muitos lugares com a palavra “viado”. A vítima de 22 anos ainda sofreu um estupro coletivo e está internado em estado grave.

De encontro à isso, o gesto de Zé Neto serve como um desvio da seriedade desse preconceito que mata cidadãos com uma única motivação: a homofobia. Velada ou exposta, o crime que está previsto em lei no Brasil não deve ser motivo de piada em nenhum âmbito que seja; no futebol, na música ou no cotidiano. O cancelamento não é uma via de saída para isso mas é urgente que os sertanejos possam entender melhor as causas relevantes a fim de influenciar positivamente a sociedade e ajudar a sanar esse desrespeito contínuo com minorias sociais.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy