Vítima de machismo cantora da a volta por cima e se torna a artista sertaneja mais bem paga

A cantora sertaneja Marília Mendonça que foi vítima de machismo no início da carreira termina o ano de 2019 com uma coleção de conquistas se tornando a maior artista sertaneja do ano

A rainha da sofrência Marília Mendonça é hoje o maior nome da música sertaneja do Brasil. A artista passou por várias dificuldades no início da carreira. Enfrentou o machismo e o preconceito por ser mulher.

A artista que já trazia com um histórico de composições de sucesso para homem teve que ouvir dos colegas que “a música sertaneja não era feira para mulheres.” A artista que já era conhecida por grandes sucessos como: “Flor e o Beija Flor” Henrique e Juliano, “Calma” Jorge e Mateus, partiu para a carreira solo. Com o sucesso “Infiel” aos 21 anos de sucesso, Marília Mendonça estourou com o Hit “Infiel”.

No entanto o hit marcava apenas o início do uma história de sucesso. Este ano Marília Mendonça se consolidou no mercado da música sertaneja com conquistas grandiosas que deixam um marco na sua carreira meteórica.

A cantora foi a artista brasileira mais tocada no Spotify, a plataforma de música mais popular no país. A artista alcançou 1 bilhão. Este número foi alcançado graças aos 17,8 milhões de ouvintes, espalhados em 79 países, que passaram 43,7 milhões de horas ouvindo as famosas “sofrências”.

Com estes números, a cantora brasileira recebeu da plataforma 4,2 milhões de dólares, o equivalente a 16,8 milhões de reais, deixando o cantor Gusttavo Lima para trás entre os artistas sertanejos mais tocados.

Os shows surpresa de Marília Mendonça com a turnê “Te Vejo em Todos os Cantos” também foram muito procurados porque os fãs da artista mais ouvida nas plataformas digitais em 2019 sempre buscavam descobrir onde ela estaria.

Marília Mendonça encerra o ano no nono mês de gravidez

Além de todo o sucesso conquistado no ano, o maior presente segundo ela mesmo é a chegada do filho Leo, fruto do relacionamento com o compositor Murilo Huff.

Marília que anunciou seu afastamento dos palcos, está cuidando dos últimos detalhes do parto, já selecionou as músicas para o parto. “Tô fazendo a playlist do meu parto não há lágrimas que expressem… tá chegando a hora…”, escreveu no Twitter.

Entretanto na rede social, Marília ainda dividiu com os seguidores alguns hits que incluiu no setlist especial: “Oração”, de A Banda Mais Bonita da Cidade e “Promete”, de Ana Vilela”. Além disso, uma seguidora perguntou, na sequência, se ela já sabia a data que Léo chegaria ao mundo. “Não dá pra saber, meu amor. O ato da vida é uma incógnita… Estou esperando um parto natural, então conto com os sinais dele. É quando ele decidir. Quando estiver pronto“, indicou a artista, que trollou os seguidores sobre o nascimento do herdeiro recentemente. A outro fã, ela assegurou que não estava com medo do parto. “Acredita que não? Às vezes nem eu… Estou ansiosa pra sentir a dores da chegada da vida que eu gerei…”, escreveu.

Comentários