‘Nunca vou aprender dizer adeus’, declara filho a Leandro

0 193

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Thiago Costa, filho do cantor Leandro, que fazia dupla com Leonardo, fez um desabafo emocionante nas redes sociais.

Thiago Costa perdeu o pai em 1998. Leandro morreu depois de lutar contra um tumor de Askin, um câncer raríssimo, aos 36 anos de idade. Ele e o irmão Leonardo foram uma das principais duplas de sucesso do mundo sertanejo dos anos 1990. No entanto, o combate à doença e a morte causaram comoção no Brasil inteiro. Até hoje, os fãs se emocionam ao lembrar de Leandro.

O cantor deixou quatro filhos: Thiago, hoje com 33 anos, Leandro, de 26, Lyandra, de 22, e Leandrinho, de 20. No entanto, na última terça-feira, Thiago Costa fez um desabafo nas redes. No Instagram, ele publicou uma foto antiga ao lado do pai e fez uma emocionante homenagem. “Me deu uma saudade que até dói. Te amo, pai, onde quer que esteja. Nunca vou aprender dizer adeus!”, escreveu, numa referência à letra de uma música de sucesso da dupla.

Thiago Costa e Pedro, filho de Leonardo, também fizeram uma dupla sertaneja, que durou até 2013. Ainda no Instagram, Thiago publicou um vídeo em homenagem à irmã Lyandra, que se forma agora. “Papai está muito orgulhoso de você também, tenho certeza, parabéns!”, escreveu.

Leonardo relembra a última música que gravou com o irmão

O cantor Leandro morreu vítima de câncer aos 36 anos, em São Paulo, em 23 de junho de 1998.

Nascido em Goianápolis e ex-plantador de tomates, músico alcançou o sucesso formando dupla sertaneja com o irmão, Leonardo.

Mas a história da dupla é também um importante capítulo na história da música sertaneja. Ele e o irmão Leonardo cantavam desde pequenos e fizeram uma história de sucesso na música brasileira durante 15 anos. No entanto A trajetória da dupla foi interrompida por um câncer raro que levou Leandro à morte aos 36 anos, em 23 de junho de 1998, em São Paulo.

Entretanto, a última canção que gravaram juntos foi Um Sonhador. O disco foi lançado depois da morte de Leandro. Mas ao se lembrar, Leonardo não segura a emoção: “Quando canto me emociono demais sempre”.

Quando a saudade aperta, Leonardo diz que se sente mais perto do irmão em meio aos parentes.

Além disso, nas reuniões de família, o sertanejo também cita que se aproxima de Leandro no contato com Deus e no trabalho da Casa de Apoio São Luiz, instituição filantrópica criada pela mãe deles a pedido do irmão.

O espaço oferece estadia, alimentação e serviço de emergência para pessoas com câncer de outras cidades que fazem tratamento em Goiânia.

Mas como todo o ano, o sertanejo publicou nas redes sociais uma foto lembrando os 20 anos da morte do irmão. No post, ele escreveu: “Obrigado meu BR! 20 anos de saudade! #NãoAprendiDizerAdeus”. Na foto, ele segura uma bandeira verde e amarela que recebeu de fãs também com o nome da música.

Comentários
Loading...