Após 1 ano tentando salvar o casamento, Simaria está aliviada com a separação

0
88
Após 1 ano tentando salvar o casamento, Simaria está aliviada com a separação (Foto: Reprodução/Instagram)
Após 1 ano tentando salvar o casamento, Simaria está aliviada com a separação (Foto: Reprodução/Instagram)

Amigos da cantora Simaria revelaram motivo que pesou na decisão da sertaneja de se separar após 14 anos de casamento com Vicente Escrig

Com o anúncio de que a cantora de música sertaneja Simaria se divorciou do marido Vicente Escrig após 14 anos, muitas especulações surgiram acerca do motivo do rompimento. Ela que está apresentando o novo programa de sucesso da Globo, The Masked Singer Brasil, pareceu feliz e madura no post em que contou para os seguidores sobre sua separação e o alívio de ter se livrado do casamento também veio à tona.

Isso porque, amigos próximos da cantora afirmaram que há cerca de um ano ela tentava manter uma boa relação com Vicente pelo bem dos filhos mas a crise já estava em andamento. Mãe de Giovanna, de 9 anos e Pawel, de 5, frutos do relacionamento com o agora, ex marido, Simaria deixou bem claro em seu comunicado que não o ama mais mas que quer que ele seja feliz.

Assuntos Relacionados 

Sobre o que pode ter motivado os desentendimentos, fontes próximas à cantora afirmaram que Vicente Escrig passou a tratar mal os funcionários da casa e que nos últimos três meses, o relacionamento ficou insustentável.

Ao anunciar em suas redes a separação, ela escreveu:“Comunico a todos que o meu relacionamento com Vicente chegou ao fim, após 14 anos. Foi uma decisão pensada, com muita clareza. Tivemos momentos lindos juntos, dois filhos maravilhosos, que são as nossas maiores riquezas. Peço a Deus que o Vicente seja muito feliz , pois ele merece. Quero agradecer desde já o apoio de todos. Pretendo, a partir de agora, ser ainda mais feliz, mesmo sem o homem que amei muito um dia. Aproveito para tranquilizar os meus fãs e dizer que estou bem. Toda mudança que acontece para melhor será sempre bem vinda! Vamos continuar escrevendo as nossas vidas, com lindas histórias, independente de estarmos juntos, ou não”, declarou Simaria.

Confira o post:

Sertaneja fez apelo sobre crise e cobrou atitude de políticos

(Foto: Reprodução Instagram)
(Foto: Reprodução Instagram)

O ramo artístico foi muito afetado pela pandemia, que impossibilita a realização de grandes eventos. A ideia das lives foi uma saída temporária para que os cantores faturassem com os patrocinadores diante do grande prejuízo das agendas canceladas. No entanto, essas transmissões já estão saturadas um ano após o início do isolamento e recentemente, Simaria cobrou atitudes de autoridades para que ajudassem o setor.

A irmã de Simone, que passou no último fim de semana por uma cirurgia de retirada do útero, fez o desabafo durante participação no programa Altas Horas, exibido em março, e se juntou aos artistas que se preocupam com a crise financeira que os impede de trabalhar. Assim como ela, Naiara Azevedo e Sorocaba chegaram a ir em Brasília se reunir com Bolsonaro para tratar a questão. 

Na ocasião, Simaria declarou: “É uma situação bem triste. Queria que as autoridades criassem uma maneira de ajudar as pessoas desse setor. Não é brincadeira, não”. Ela ainda contou dificuldades do início da carreira de quando tinha uma vida muito diferente da atual e certamente, as crises financeiras de ambos os momentos são muito diferentes.

“Comecei a cantar aos 14 anos. Sobrevivíamos com R$ 200 para fazer compras e sobravam R$ 2 para pegar o transporte e voltar para casa. Foram anos de ralação e sofrimento para a gente conseguir chegar no Simone e Simaria”, concluiu Simaria.