Show clandestino de dupla sertaneja famosa é interrompido pela polícia

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Dupla sertaneja Jads e Jadson foi surpreendida assim como os convidados que fugiram quando a Polícia chegou ao local e encerrou a festa

Em mais um caso de interrupção de aglomeração por autoridades, que já virou recorrente no meio sertanejo, a dupla Jads e Jadson foi a que desafiou no último sábado (05) as medidas sanitárias que precisam ser tomadas devido à pandemia. A dupla sertaneja se apresentava em uma festa de casamento na cidade de Maracaju (MS) quando a Polícia surpreendeu todos no local e encerrou o evento.

Assim como em todo país, a situação no município onde o show aconteceu é crítica e está atualmente na bandeira vermelha, o que significa a seriedade dos números de infectados e óbitos pelo vírus que já vitimou muitos brasileiros. Muitas aglomerações estão sendo promovidas por artistas sertanejos e mais recentemente, Gusttavo Lima foi um dos artistas que mais gerou revolta ao se apresentar no Hotel Copacabana Palace no Rio de Janeiro.

Assuntos Relacionados 

Segundo foi publicado nas redes sociais pelos próprios convidados por meio de vídeos e fotos, o evento contrariava o distanciamento social e exibia uma série de negligências por parte dos organizadores. A festa de casamento com a presença da dupla sertaneja Jads e Jadson, que se apresentou com outros músicos, gerou revolta em trabalhadores da cidade que afirmaram uma fiscalização restrita à pequenos comerciantes.

“Até cantor famoso esteve na festa. Os órgãos de fiscalização estão fazendo um ótimo trabalho apenas para punir os pobres e pequenos comerciantes”, escreveu um morador em um grupo dos cidadãos maracajuenses. Já a Prefeitura informou que no local foram encontradas apenas 25 anos já que muitas evadiram do local quando viram as viaturas, no entanto, todos os envolvidos serão punidos de acordo com o comunicado.

(Foto: Direto das Ruas)
Interação de Jads e Jadson com a noiva e alguns convidados (Foto: Direto das Ruas)

Dupla sertaneja Israel e Rodolffo participam de show clandestino

(Foto: Reprodução/Divulgação)
(Foto: Reprodução/Divulgação)

A dupla sertaneja Israel e Rodolffo, que anunciou turnê nos Estados Unidos para este ano e está bombada nas plataformas digitais com “Batom de Cereja, maior música sertaneja de 2021, gerou polêmica após participar de uma gravação de DVD da dupla Diego e Arnaldo, que promoveu aglomeração do público e revolta nas redes sociais.

O evento para a gravação do DVD aconteceu na noite de 19 de maio em Aparecida de Goiânia (GO) e contou com a presença de Israel e Rodolffo, Rio Negro e Solimões e Os Barões da Pisadinha e os vídeos do show postados nas redes sociais foram responsáveis por detectar as irregularidades sanitárias do local e a aglomeração do público.

Segundo o órgão responsável pela fiscalização na cidade de Aparecida de Goiânia informou ao G1, “os canais de denúncias a disposição da população não foram informados a respeito do local e gravação de DVD”, portanto o evento era clandestino, já que não era de conhecimento das autoridades e “a realização de evento com música ao vivo e pista de dança continua suspensa por tempo indeterminado na cidade em conformidade com a portaria 064/2021, como medida de enfrentamento a Covid-19”.

Segundo a assessoria de Diego e Arnaldo, o evento reuniu cerca de 80 pessoas e todas foram testadas antes da gravação, alegando também que as mesas no local respeitavam a distância de 1,5 metros. A assessoria de Israel e Rodolffo também se pronunciou e relatou que a dupla sertaneja realizou testes da Covid-19 antes do evento e apresentou sem a presença do público, seguindo todas as normas de segurança.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais

Privacy & Cookies Policy