fbpx

Sandro e Cícero lançam “Briga, desbriga”

A dupla sertaneja Sandro e Cícero lançaram a nova música na última sexta-feira (15) em todas as plataformas digitais “Briga, desbriga

Sandro e Cícero lançaram, na última sexta-feira, a música “Briga, desbriga” nas plataformas digitais.

A música é composição de Frederico Rangel, Guilherme Ribeiro, Matheus Almeida e Sandro de Paula, e faz parte do EP “Sandro e Cícero – Acústico no Treze” gravado no Theatro Treze de Maio, em Santa Maria / RS.

Escolhemos o (Theatro) Treze pela carga histórica que tem, é um dos palcos mais consagrados da nossa cidade e decidimos que ali seria um lugar perfeito”, explica Cícero.

A produção é do próprio Sandro, apaixonado por música desde sempre, ele se encarregou dos arranjos e toda a parte técnica, já Cícero colocou sua veia de compositor em uma das faixas. “Neste EP, a ‘Choro da madrugada’ é composição minha, todas as outras são de parceiros”, comenta ele.

Briga, desbriga” foi a última música selecionada do EP, entrou no projeto um mês antes de gravar. “Quando ouvimos, ficamos apaixonados! Os últimos serão os primeiros, não é mesmo?”, brinca Sandro.  A gravação foi intimista, estiveram presentes pessoas que acompanham a carreira deles e participaram da história. “Eles foram para ouvir as nossas músicas. Foi uma coisa muito forte, nos emocionamos muitas vezes! Foi um momento intenso e tenho certeza que não vamos nunca esquecer”, comenta o segunda voz.

CONFIRA: Os últimos lançamentos da música sertaneja

O EP é composto por seis faixas e até o final de 2019 estará disponível na íntegra. Hoje a carreira da dupla é gerenciada por Léo dos Reis, responsável no passado por nomes como João Carreiro e Capataz, Zé Neto e Cristiano e Pedro Henrique e Fernando.

Briga, Desbriga
Sandro e Cícero

A gente brigou, brigou de novo, brigou mais uma vez
Tudo isso em menos de um mês
Reconciliou, fez amor, brigamos de novo
É um ciclo vicioso
Um fica não fica, vai não vai, não larga um do outro

Briga desbriga, briga desbriga
Todo dia é palavrão e beijo com mordida
Briga desbriga, briga desbriga
A gente quebra o pau, mas na cama combina

Briga desbriga, briga desbriga
Todo dia é palavrão e beijo com mordida
Briga desbriga, briga desbriga
A gente quebra o pau, mas na cama combina

A gente brigou, brigou de novo, brigou mais uma vez
Tudo isso em menos de um mês
Reconciliou, fez amor, brigamos de novo
É um ciclo vicioso
Um fica não fica, vai não vai, não larga um do outro

Briga desbriga, briga desbriga
Todo dia é palavrão e beijo com mordida
Briga desbriga, briga desbriga
A gente quebra o pau, mas na cama combina

Composição: Frederico Rangel/ Guilherme Ribeiro/ Matheus Almeida/ Sandro de Paula

Comentários