Movimento Country
O maior e mais importante site sertanejo do Brasil

Peão sofre grave acidente durante a Festa do Peão de Barretos

0 160
B01 728x90

Na noite desta sexta-feira (24) o peão Pedro Aparecido da Silva Júnior sofreu um grava acidente durante sua montaria na Festa do Peão de Barretos.

O peão Pedro Aparecido da Silva Júnior foi encaminhado ao hospital na noite desta sexta-feira (24). Ele desmaiou após sofrer um grave um acidente na montaria em touros, em Barretos (SP). 

O competidor de Pires do Rio (GO) encarava a disputa para se manter por oito segundos. Pedro montava no touro Tô Bacana, da companhia Califórnia, quando bateu a cabeça contra o corpo do animal. Silva Júnior usava capacete, mas ficou inconsciente e caiu no chão da Arena. Mas depois da queda, ele ainda foi pisoteado. 

A prova foi paralisada para atendimento médico ao peão. Segundo a assessoria de imprensa da Festa do Peão de Barretos, ele foi levado consciente à Santa Casa de Barretos para exames. O hospital informou que o competidor sofreu hematomas no tórax, mas que o estado de saúde é estável. Ele será submetido a uma tomografia para verificar se há lesões internas. 

Na noite de quinta-feira (24), o peão não pontuou na montaria ao ser derrotado pelo touro Agente, da companhia André de Mogi. 

A 25ª edição do Rodeio Internacional vai premiar o vencedor com uma caminhonete avaliada em R$ 250 mil. A final acontece no domingo (26).

Problemas de Segurança

No início da Festa do Peão de Barretos, o Ministério do Trabalho suspendeu a montagem do evento.

Na ocasião, os auditores encontraram uma série de irregularidades que colocavam em risco a saúde e a segurança dos trabalhadores. Foi verificado, por exemplo o uso de andaimes sem os requisitos mínimos de segurança e de tendas de lona montadas a 10 metros do solo sem a adequação para o trabalho em altura.

O auditor-fiscal do trabalho Magno Riga, que coordenou a ação, comentou que a interdição se deu por falta de segurança: “verificamos que havia na montagem das estruturas diversas irregularidades que acabavam expondo os trabalhadores a graves riscos”.

Magno Riga explicou que agora a organização do evento pode recorrer da interdição ou fazer os ajustes para que o local seja vistoriado novamente e liberado, se tudo estiver certo.

Além do Parque do Peão, os auditores interditaram principalmente o alojamento onde estavam 12 trabalhadores do Ceará. O local não possui banheiros, refeitório e tem instalações elétricas improvisadas.

Mas a organização do evento garantiu que iria cobrar explicações das empresas terceirizadas envolvidas na montagem das estruturas.

A Festa do Peão de Barretos ocorre desde 1956 e é um dos eventos mais tradicionais do gênero no Brasil.

Comentários
Loading...