Roberta Miranda revela ter sofrido machismo por sertanejos e faz desabafo

Após expor disputa com Matogrosso, Roberta Miranda expôs machismo sofrido por grandes ícones da música sertaneja e surpreendeu com relato

Após acusar o cantor Matogrosso de querer roubar os direitos de uma de suas músicas mais famosas e alegar que ele fez o mesmo com outras artistas, a cantora sertaneja Roberta Miranda, que acusou Luan Santana de fazer harmonização facial, revelou ter sofrido machismo por grades astros da música sertaneja.

Em uma entrevista recente, Roberta Miranda, além de expor a briga com Matogrosso devido à uma música, abriu o jogo sobre o seu passado na música e alegou que já foi vítima de machismo por grandes nomes da música sertaneja, que se consolidaram no passado.

Assuntos Relacionados

De acordo com a cantora sertaneja, crescer no meio sertanejo na época foi extremamente doloroso, tendo em vista que ela foi uma das mulheres pioneiras no gênero e sofreu muito com seus colegas de profissão:

“Eu enfrentei a pior época do machismo, ali era danado! Eu trabalhava com Matogrosso e Mathias, Milionário e José Rico, Ricco e Léo, com tantos outros que eram terrivelmente machistas!”, disparou, em conversa com o youtuber Renato Sertanejeiro.

Sertaneja acusou Matogrosso de fraudar sua música

(Foto: Reprodução Internet)
(Foto: Reprodução Internet)

Roberta Miranda contou, em entrevista, sobre a autoria da música “De igual para igual”. Segundo ela, a canção é apenas sua mas depois de ter feito sucesso na voz da dupla Matogrosso e Mathias, o integrante Matogrosso afirmou ter participado da composição mas foi desmentido por Roberta.

Durante as declarações ela contou que quando apresentou essa música à dupla sertaneja, Matogrosso prontamente se ofereceu para ficar com a canção mas ela discordou: “Não dou”, afirmou Roberta Miranda. No entanto, acabou cedendo e optando por uma parceria. E novamente, ao se encontrarem no estúdio, o cantor Matogrosso teria oferecido cerca de R$ 5 mil e mesmo com as dificuldades, Roberta voltou a recusar: “De jeito nenhum”.

Após a instauração da confusão, a assessoria de Matogrosso emitiu uma nota em sua defesa: “Matogrosso reitera a profunda admiração pela cantora e compositora Roberta Miranda e sempre se recorda com saudosismo, da amizade e respeito profissional que sempre existiu.”

Mas pelo visto nada de trégua entre ele e Roberta. Isso porque na continuação da nota há a afirmação de que o cantor participou da composição da canção: “(…) Nela (canção), fica clara a participação do cantor na composição, uma das mais lindas de todos os tempos.” Roberta voltou a se pronunciar em tom de tranquilidade mas esclarecendo com vigor: “A música é minha!”.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais