O maior site sertanejo do Brasil

Padre fala sobre o sucesso dos cantores sertanejos

0 66

Muito se fala sobre o sucesso de Luan Santana, Gusttavo Lima, Lucas Lucco, mas que está com tudo mesmo é o Padre Alessandro Campos.

Em conversa, o religioso, que recentemente recebeu um disco de Diamante, contou como faz para conciliar a vida de padre com os shows que faz pelo Brasil.

\”Eu celebro uma missa por mês aberta ao público, para receber as caravanas também. É sempre na primeira quarta-feira do mês às 18h. Nos outros dias, estando em Mogi Das Cruzes, minha Diocese, onde sou pároco da Paróquia do Socorro, celebro normalmente em horários diferentes que acomodem com o meu tempo. Ou então celebro por onde passo, nos seminários e/ou conventos\”.

Sobre seu sucesso como cantor, Padre Alessandro Campos disse que só tem a agredecer a Deus por tudo que acontece em sua vida.

“Sempre me fazem essa pergunta e eu respondo sempre que ‘quando Deus quer, ninguém segura’. Esse é inclusive o título do meu novo CD ao vivo e do meu DVD que foi lançado no início de outubro e já saímos com Disco de Diamante, com 700 mil cópias vendidas. Eu me sinto muito feliz de estar realizando o meu ministério como sempre desejei, ver e ouvir milhares e milhares de pessoas cantando todos os dias ‘O que é que eu sou sem Jesus? Nada, nada, nada…’ é muito bom”.

Apesar de existirem diversos padres cantores, Alessandro Campos escolheu o ritmo sertanejo para levar o Evangelho às pessoas e, durante o bate papo ele revelou o motivo.

\”Eu sou de uma família sertaneja. Viemos da roça. Cresci ouvindo os clássicos sertanejos. Eles sempre trazem uma mensagem de fé, de superação, de família. Digo que não escolhi a música sertaneja, foi ela quem me escolheu. Porque tudo começou muito simples, sem querer. Estava celebrando, proclamei o evangelho e, quando fui pregar, me veio uma bela música sertaneja que trazia uma linda mensagem, o Último Julgamento, comecei a cantar e me inspirou uma bela pregação. A partir daí, comecei a usar dessa pedagogia para evangelizar. As pessoas aceitaram muito bem, se sentiam tocadas, lembravam de sua casa, de sua família, da sua vida”, disse.

Apesar de todo cantor sertanejo ser muito assediado pelas fãs quando está em alta, Alessandro revelou que o assédio é grande, mas sempre com tranquilidade, pois ele “se dá ao respeito”.

“Até hoje me sinto muito respeitado. Porque, na verdade, é você sempre que tem que se dá ao respeito. Eu sou Padre e deixo isso muito claro para todos. E sempre digo que quando um não quer, dois não brigam. As pessoas podem vir atrás do artista no primeiro contato, mas voltam cheias de Jesus Cristo. Porque é Ele quem eu apresento para elas”, afirmou.

Por fim, ao falar sobre o Papa Francisco, que vem conquistando cada vez mais pessoas ao redor do mundo, Padre Alessandro disse que tenta seguir o exemplo do Pontífice.

“O Papa Francisco é o Papa do Povo. Assim, carinhosamente o intitularam. Ele dá respostas e voz ao Povo. A voz do povo é a voz de Deus, diz o ditado popular. Ele veio e nos pediu, saiam das sacristias e vão ao encontro do povo. E é assim como ele está fazendo, que eu também quero fazer e estou fazendo”, disse.

Padre Alessandro Campos tem cerca de dez shows até o início de dezembro e vai viajar por todo o Brasil como Amapá, Minas Gerais, Bahia, Recife e São Paulo.

Comments
Loading...