Saiba qual artista mais faturou após a morte da cantora Marília Mendonça

1

Prestes a completar um ano da morte trágica de Marília Mendonça, alguns artistas que gravaram ou lançaram músicas com cantora sertaneja faturaram alto nas plataformas de streaming

Na próxima semana se completa três meses do acidente que tirou de forma trágica a vida de Marília Mendonça, uma das maiores cantoras da música sertaneja da sua geração, que partiu precocemente e deixou um filho de 2 anos, Leo, que é fruto do seu relacionamento com Murilo Huff.

Após sua morte, vários artistas lançaram músicas que a cantora sertaneja havia gravado meses antes do seu acidente, inclusive uma música inédita com Naiara Azevedo, uma das participantes do BBB 22, que anunciou que a canção será lançada nas próximas semanas, após algumas exigências feitas pela família da Marília.

O Movimento Country teve acesso exclusivo à um relatório do Spotify, a maior plataforma de áudio do mundo, e descobriu quais forma os artistas que mais faturaram após a morte da cantora Marília Mendonça.

Quem lidera com folga absoluta esse ranking, são as irmãs Maiara e Maraísa, que haviam lançado recentemente o novo álbum de “As Patroas”, ao lado da rainha da sofrência.

Para se ter uma ideia, desde novembro as canções “Esqueça-me se for capaz”, “Todo Mundo Menos Você”, “Presepada” e “Motel Afrodite” estão entre as 10 músicas sertanejas mais tocadas da plataforma por três meses consecutivos.

O segundo artista que mais teve visibilidade foi a dupla George Henrique e Rodrigo que lançou a música póstuma “Vai lá em casa hoje”, atingindo o primeiro lugar na semana do dia 23 de dezembro de 2020 e permanecendo até hoje entre as músicas mais tocadas no Spotify.

Recentemente a canção “Mal Feito” da dupla Hugo e Guilherme, que revelou o último desejo de Marília Mendonça, estreou em segundo lugar entre as músicas mais ouvidas do Brasil.

Para ser ter uma ideia, esta semana a justiça de Goiás deu início ao inventário da cantora sertaneja que estima-se que seja superior a R$ 500 milhões de reais.

Leia também:

Fortuna de Marília Mendonça está avaliada em R$500 milhões de reais

A partilha de bens da cantora que faleceu em um trágico acidente de avião no interior de Minas Gerais, já está sendo discutida no Tribunal de Justiça de Goiás. A análise do espólio corre em segredo de Justiça na 1ª Vara de Sucessões de Goiânia e começou a ser realizada no fim do mês passado.

A informação do início do processo foi publicada pelo colunista Ancelmo Gois, do jornal O Globo. Consagrada como a rainha da sofrência, a famosa acumulou uma verdadeira fortuna em seus poucos anos de carreira, que serão distribuídos entre possíveis herdeiros ou legatários.

Marília Mendonça deixou um filho pequeno, fruto de seu relacionamento com o cantor Murilo Huff. Léo completou dois anos em 16 de dezembro passado e é o herdeiro natural de toda a herança da cantora. Desde o falecimento da artista, a criança vem sendo cuidada em guarda conjunta entre o sertanejo e Dona Ruth, avó.

Vale ressaltar que o patrimônio da sertaneja continua a crescer dia após dia. Como parte de seus lucros são com as reproduções de suas músicas e composições nas plataformas de streaming, os royalties continuam rendendo grandes valores, principalmente pelo aumento de plays em projetos com a famosa.

Estima-se que o faturamento mensal de Marília Mendonça antes de sua morte precoce girava em torno de R$ 10 milhões e que a fortuna dela chegaria a R$ 500 milhões.