Marília Mendonça viveu romance secreto com cantor sertanejo por 2 anos

22

Muita gente não sabe, mas o namoro mais duradouro de Marília Mendonça passou 2 anos no completo anonimato antes de ser revelado

Marília Mendonça nos deixou há quase 1 ano, mas sua memória continua viva nos corações de milhões de fãs pelo Brasil. Embora seu nome continue sendo envolvido em polêmicas, principalmente após um ex-empresário querer pegar parte da sua fortuna, a cantora sertaneja ainda é a mais ouvida do Brasil e continua quebrando recordes.

No entanto, uma história curiosa marcou a trajetória da cantora sertaneja ao longo de todos esses anos de estrelato. E se te contarmos que Marília Mendonça teve um namoro secreto com um cantor sertanejo que todo mundo conhece por 2 anos?

Essa informação pode deixar muita gente chocada imaginando ser uma pessoa completamente diferente, mas a namorado secreto é ninguém menos que Murilo Huff, que depois veio a ser assumido como seu amor e pai do seu filho Léo. O casal começou a se relacionar em 2017, mas expôs a relação para o público apenas em 2019.

O motivo para ‘esconderem’ a relação era o medo de Murilo Huff de ser apontado como oportunista, afinal de contas ele estava apenas começando a sua carreira de cantor sertanejo, enquanto Marília já era o maior nome feminino das últimas décadas, emplacando um hit atrás do outro. Para ele, muita gente poderia ver o namoro como um modo de potencializar sua carreira.

Marília e Murilo se conheceram através da música “Transplante”, na qual o sertanejo era compositor e a rainha da sofrência gravou com Bruno e Marrone. A atitude quem tomou foi ele, mandando mensagem para ela querendo assistir um show de Marília com a dupla para ouvir sua música.

“Nunca tinha ido a um show de um artista que tinha gravado música minha, não ao vivo. Na hora, ela me tratou bem pra caralho. Não a conhecia e nunca tinha visto ela. Foi um negócio muito doido”, declarou o cantor em entrevista ao podcast PodPah.

A partir daí, eles continuaram conversando e ele foi convidado para ir a uma chácara com sua família, onde rolou o primeiro beijo. Marília Mendonça e Murilo Huff foram enrolando a relação sem rótulo e às escondidas, e isso foi o estopim para uma primeira separação.

Conversaram e se acertaram, mas Marília queria ser apresentada como namorada e Huff tinha medo dos julgamentos, mas logo assumiram o relacionamento para pessoas próximas. Quando gravaram a música “Dois Enganados”, lançada em 2019, a fofoca se espalhou para o Brasil, mas naquele momento nenhum dos dois comentou a relação.

“Sempre tive um cuidado muito grande porque queria ser cantor, e eu tinha consciência de quem ela era. Se a galera ficasse sabendo, todo mundo ia ficar falando que eu estava fazendo isso pra me promover. Queria que as pessoas me conhecessem pela minha música, não porque eu estava com a Marília. Ficamos um ano juntos e ninguém ficou sabendo”, contou ainda na entrevista.

Um tempo após os boatos virem à público, Marília Mendonça e Murilo Huff resolveram entregar o namoro para os fãs e foi só alegria. Logo depois veio o anúncio da gravidez do pequeno Léo, que deu ainda mais alegria para os fãs da sertaneja.

Veja uma galeria com os melhores momentos do casal:

Leia também:

Empresário tenta tirar R$ 9 milhões da herança da cantora

(Foto: Reprodução Instagram)
(Foto: Reprodução Instagram)

Segundo o colunista Leo Dias, o empresário Gabriel Ramalho entrou na Justiça pedindo R$ 9 milhões da herança da cantora sertaneja, sob alegação de que seria detentor de 10% de sua carreira.

Gabriel Ramalho foi um dos principais nomes que ajudou Marília Mendonça a dar seus primeiros passos em direção ao estrelato. Lá no início da sua carreira, ele atuou como seu empresário e ajudava a cantora sertaneja a fazer contato com outros nomes no mercado para eventuais parcerias e venda de composições.

Dessa forma, ele acabou “ganhando” 10% dos lucros da carreira de Marília Mendonça por conta desse apoio, que foi fundamental para seu sucesso. Segundo o colunista, Gabriel ainda teve direito a 10% de participação no contrato com a rainha da sofrência com a gravadora Som Livre.

Com isso, o ex-empresário da cantora sertaneja resolveu procurar a justiça trabalhista para tentar receber a quantia de R$ 9 milhões devido aos “acordos não pagos”, conforme ele nomeia. Gabriel Ramalho alega que era funcionário de Marília Mendonça e que trabalhava com ela desde o início da sua carreira, especialmente na área financeira. Segundo ele, o seu salário mensal sempre foi de R$ 200 mil.

Segundo informações, o empresário chegou a ser padrinho de casamento de Ruth Moreira, mãe da sertaneja, mas nunca foi bem visto pelas pessoas ao seu redor por supostos comportamentos agressivos e porte de armas. Dessa forma, incomodada com suas atitudes, Marília Mendonça teria tomado a decisão de revogar as procurações e rompeu a relação com seu ex-empresário,

O colunista entrou em contato com a família de Marília Mendonça e sua equipe jurídica, mas ambos alegaram que não podem falar sobre o processo, já que este corre em segredo na Justiça. A defesa de Gabriel Ramalho também não se pronunciou.