Início Notícias Sertanejas Band pretende ressuscitar programa sertanejo que ameaçou audiência da Globo

Band pretende ressuscitar programa sertanejo que ameaçou audiência da Globo

0
23
Band quer ressuscitar programa sertanejo de sucesso (Foto: Reprodução/Internet)
Band quer ressuscitar programa sertanejo de sucesso (Foto: Reprodução/Internet)

Sucesso nos anos 2000, a diretoria da Band estuda colocar na sua grade em 2023 o programa que ameaçou a audiência da Globo: “Terra Nativa

Nos anos 2000, a Band apostou forte em formatos sertanejos e chegou a ter Sérgio Reis como apresentador do “Terra Sertaneja“, programa que ia ao ar todos os sábados e chegou a incomodar a Globo, que tinha a hegemonia total em audiência no horário.

Além de Sérgio Reis, o inesquecível Juliano César, que morreu vítima de um infarto fulminante durante uma apresentação no dia 31 de dezembro de 2019, também comandou a atração que conquistou o segundo lugar em audiência para a TV dos Saad.

Em 2007 o programa voltou para a grade da programação reformulado, e com o nome de “Terra Nativa“. A novidade também trouxe novos apresentadores, a dupla Guilherme e Santiago, que na época estavam estourados nas rádios de todo o Brasil com sucessos como “Tá se Achando”, “Tudo tem um Porquê”, entre outros.

O programa, que ficou no ar até abril de 2009 elevou a audiência da TV e fez com que que a Band fidelizasse o público amante da música sertaneja, garantindo o 2º lugar em audiência para a TV paulistana.

Agora, após a contratação de Fausto Silva, a direção quer incrementar sua programação com novelas, talkshows, reality e também programas musicais. Recentemente, a dupla Fernando e Sorocaba tentou emplacar um programa sertanejo com formato de gincana e competições, mas o projeto foi engavetado.

O mesmo aconteceu com a apresentadora Lívia Andrade, que quase teve um programa sertanejo na emissora, mas foi cancelado de última hora. Dessa forma, “Terra Nativa” pode ser a grande aposta da Band para voltar a competir entre as grandes emissoras.

Leia também:

Programa sertanejo com Lívia Andrade foi cancelado

(Foto: Reprodução/Rede Globo)
(Foto: Reprodução/Rede Globo)

Antes de pensar em ressuscitar o “Terra Nativa”, a Band teve a ideia principal de criar um programa sertanejo com a apresentadora Lívia Andrade, esposa do empresário Marcos Araújo, conhecido popularmente como Marquinhos da AudioMix. O programa em questão se chamaria “Música Mix“.

No entanto, segundo informações do site Notícias da TV, um episódio piloto foi gravado em maio deste ano para a avaliação da direção da emissora, que acabou não gostando do resultado e optando por cancelar o “Música Mix” com Lívia Andrade.

Antes de ser aceito pela Band, o programa de auditório já tinha dois grandes patrocinadores: a Ambev e a AudioMix, que usariam essa proximidade com o público para fidelizar ainda mais os amantes da música sertaneja. Os motivos da emissora para negar o programa seriam a qualidade do áudio e identidade visual bagunçada, que acabou não agradando.

Com o cancelamento, Lívia Andrade não pensou duas vezes ao assinar um contrato com a Globo onde, agora, participa de um quadro no “Caldeirão com Huck“, um dos maiores programas da emissora carioca.