Após amizade íntima com família Bolsonaro ser exposta, Gusttavo Lima passa a ser investigado pela Polícia

O cantor sertanejo Gusttavo Lima passou a ser alvo de investigação da Polícia do Rio de Janeiro após se apresentar em uma festa promovida por um chefe do crime organizado

Gusttavo Lima, que faz questão de revelar a sua proximidade com a família Bolsonaro, e apareceu em uma foto íntima com Renan, o filho mais novo do Presidente, passou a ser investigado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro. A investigação começou após o sertanejo fazer uma apresentação no Copacabana Palace em maio, que reuniu 500 pessoas e promoveu aglomeração.

Confira outras notícias relacionadas

Segundo informações do G1, a festa era para celebrar o aniversário de Adilson Oliveira Coutinho Filho, conhecido como Adilsinho. O criminoso é o principal foragido da polícia, ao lado do irmão, na Operação Fumus, que investiga uma quadrilha que impunha a venda de cigarros no Rio de Janeiro e constantemente usava de violência para praticar as irregularidades.

Sendo assim, a 1ª Vara Especializada de Crime Organizado, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, deu 20 dias para os cantores presentes na festa se explicarem perante a Justiça e detalharem os valores do contrato, com quem negociaram e o quanto receberam dos criminosos para se apresentarem no evento, que ainda gerou grande aglomeração e causou revolta. Além do embaixador do sertanejo, entre as atrações estavam Ludmilla, Mumuzinho, Alexandre Pires e Dudu Nobre.

Vale lembrar que Gusttavo Lima vem sendo uma personalidade musical polêmica durante a pandemia. Embora ele tenha sido citado na CPI da Covid pelo ex Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, por ter sido um dos artistas que ajudaram na crise de oxigênio no Amazonas, o sertanejo apresentou uma live que passou a ser investigada pelo Ministério Público Estadual do Mato Grosso no início de maio. Isso porque a transmissão gerou aglomeração e descumpriu medidas sanitárias no município de Primavera do Leste (MT) contando inclusive, com a presença de deputados do clã bolsonarista.

Gusttavo Lima é amigo próximo da família Bolsonaro

(Foto: Reprodução Instagram)
(Foto: Reprodução Instagram)

Não é novidade para ninguém que Gusttavo Lima é apoiador de Jair Bolsonaro. Desde a época das eleições presidenciais, ainda em 2018, o sertanejo vem dando declarações sobre as condutas do presidente, chegando até a elogiá-lo em uma live sertaneja.

No entanto, quem ainda duvidava que Gusttavo Lima carrega um carinho especial pela família de Bolsonaro, foi surpreendido após o cantor postar uma foto durante um momento íntimo ao lado de Jair Renan Bolsonaro, filho mais novo do Presidente.

A foto foi tirada há quase um ano, quando as medidas de isolamento social estavam sendo seguidas rigorosamente. Na época, o ex-marido de Andressa Suita, furou a quarentena para tomar um banho de piscina com o amigo em um condomínio  e foi detonado pelos seus fãs.

Vale lembrar que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) está sendo investigado pela CPI da Covid, por superfaturamento na compra de vacinas. Até o momento o cantor sertanejo não se manifestou a respeito das polêmicas envolvendo o político em corrupção.