Gusttavo Lima faturou R$100 milhões recentemente e possui fazenda surpreendente; veja fotos

O sertanejo Gusttavo Lima faturou uma bolada com venda de shows e fotos de um dos bens milionários do cantor surpreendem; confira!

Gusttavo Lima que recentemente foi destronado por Luan Santana no Spotify, possui fazenda milionária na capital goiana que rejeita qualquer indício de crise financeira do sertanejo. Fotos da propriedade viralizaram e o Movimento Country selecionou novamente registros que surpreendem.

O embaixador do sertanejo já fechou sua agenda do ano que vem em um negócio de R$100 milhões após vender 192 shows por aproximadamente R$500 mil cada para 2022. Além disso, a realização da turnê que o músico fará nos próximos dias pelos Estados Unidos é prova de que o acúmulo de sua fortuna cresce a cada contrato firmado.

Assuntos Relacionados 

A fazenda de 15 mil metros quadrados, onde fica localizada a famosa mansão com fachada faraônica do músico, chama atenção pelas proporções e pelo valor estimado. Segundo uma imobiliária de luxo de Goiânia revelou ao portal UOL, a propriedade valeria cerca de R$30 milhões a R$35 milhões.

Confira fotos:

Cantor ganhou processo na Justiça e evitou perder fortuna

(Foto: Reprodução Internet)
(Foto: Reprodução Internet)

O cantor Gusttavo Lima foi envolvido em um processo há oito anos quando um suposto empresário entrou na Justiça contra o artista. Agora, com as malas prontas para embarcar para sua turnê internacional pelos Estados Unidos e com visual diferenciado, o sertanejo teve a decisão à seu favor proferida recentemente.

Com uma indenização na casa dos R$10 milhões em jogo, Rafael Carvalho alegou na época que foi dispensado da equipe do músico sem explicações, no mês de março. Contrariando a versão do suposto empresário que solicitava o pagamento do restante do tempo acertado pelo contrato, a decisão judicial considerou as afirmações dos advogados do cantor de música sertaneja, de que Carvalho nunca empresariou Gusttavo Lima.

Em nota da assessoria do artista assinada pelos advogados Cláudio Bessas e Pedro Scudellari Filho, mais detalhes foram especificados:

“O pedido da ação versava sobre o pagamento de uma multa milionária de 10 milhões de reais e foi julgado improcedente, condenando ainda o autor Rafael Carvalho ao pagamento de custas processuais e honorários de 10% em favor da banca do artista. O processo iniciou em 2013 e foi sentenciado no último dia 22 deste mês. A decisão fez justiça ao caso, posto que Rafael Carvalho jamais foi empresário do artista.”

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais