Veja fotos da fazenda milionária que Eduardo Costa planeja vender para ir embora do Brasil

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Depois de ser ameaçado devido à música “Cuidado”, Eduardo Costa pode colocar à venda seu Haras de Minas Gerais e deixar o país

O cantor Eduardo que sofreu supostas agressões devido às críticas sociais presentes em sua nova música “Cuidado” pode deixar o país em breve. Isso porque, ele pode abrir mão de sua fazenda milionária em Minas Gerais e sair do Brasil mesmo que a música esteja sendo um grande sucesso no momento.

Tendo que lutar para reconquistar os fãs após brigas com Leonardo, o cantor sofreu sérias consequências por lançar um verdadeiro manifesto contra o governo atual. Agora, seu haras em Esmeraldas, no interior de Minas pode ser vendido segundo o Portal Compre Rural.

Assuntos Relacionados

O local de descanso do sertanejo conta com criação de cavalos de raça milionária, Mangalarga Marchador. Mesmo com as suposições feitas recentemente, o músico parece estar avaliando com calma essa possibilidade depois de ter sua família e integridade física ameaçadas.

O Movimento Country separou algumas fotos da propriedade milionária do cantor:

Nova música de sertanejo faz duras críticas ao governo

(Foto: Ramom Machado)
(Foto: Ramom Machado)

Eduardo Costa lançou o single “Cuidado” recentemente, e desde então tem vivido uma mistura de sentimentos. Além de já ter exposto sobre o medo que sofreu devido a ameaças à sua família, agora o cantor deu uma entrevista em que revelou a motivação do porquê  falar sobre a situação da pandemia e tentar conscientizar o público.

Na conversa exibida no último domingo (09) no Domingo Espetacular, o cantor explicou de onde surgiu a ideia de escrever a canção. Segundo o músico, ao receber a notícia da morte de um de seus amigos devido à complicações da Covid-19, ele percebeu uma banalidade absurda das outras pessoas presentes e condenou esse sentimento de indiferença diante do sofrimento alheio que deixou de luto mais de 420 mil famílias em todo o país.

“As pessoas que estavam  receberam a notícia da morte como algo comum, e é isso que me revolta. Eu falei assim: Gente, é uma pessoa que morreu, uma vida que foi embora, o que é isso? Só que eu notei que não era um problema daqui de casa, era um problema de todo lugar. As pessoas dão notícia de morte como quem dá notícia de vida.”, declarou o cantor.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais

Privacy & Cookies Policy