Eduardo Costa desaba com morte de produtor em acidente trágico e presta homenagem

O produtor Eduardo Henrique de Carvalho voltava do trabalho em Belo Horizonte e sofreu acidente trágico após se encontrar com Eduardo Costa

Após detonar Gusttavo Lima e acusar o cantor de roubo, Eduardo Costa usou as redes sociais para lamentar a morte de um dos integrantes de sua equipe técnica. Eduardo Henrique de Carvalho, de 39 anos, morreu na madrugada de quinta-feira, 4 de fevereiro, em um acidente no Anel Rodoviário, em Belo Horizonte.

Confira as notícias do Movimento Country no YouTube

Segundo informações da jornalista Fábia Oliveira, Duda, como era conhecido pelos amigos, ficou no trabalho com Eduardo Costa até tarde da noite. Após o fim das atividades, o produtor voltava para casa de moto quando sofreu o acidente. O motociclista chegou a ser socorrido, mas a morte foi anunciada ainda no local.

“Meu amigo, meu irmão, meu produtor… @ducarvalhoto. Você foi um amigo e um ser humano diferenciado. Sua falta será sentida em nossos corações para sempre meu irmão. Te amo”, escreveu o cantor em sua página no Instagram.

Leia também

Sertanejo acusou Gusttavo Lima de roubo

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação) 

O cantor sertanejo Eduardo Costa, que recentemente fez um desabafo sobre as ameaças de morte que sofreu após apoiar Bolsonaro, abriu o jogo sobre sua relação com Gusttavo Lima e detonou o sertanejo após ter banda roubada pelo Embaixador.

Em uma entrevista ao podcast “Alma Sertaneja”, do YouTuber Dudu Porcena, Eduardo Costa abriu o jogo sobre sua relação com Gusttavo Lima após ser abandonado pelos cantores sertanejos em meio à polêmicas.

Ouça os principais lançamentos sertanejos no Spotify

O intérprete de “Ainda Tô Aí” revelou que não é amigo de Gusttavo Lima, mas tem um carinho e respeito pelo cantor, e aproveitou para detoná-lo ao contar uma situação que viveu ao lado de Gusttavo quando ele teve sua banda roubada:

“Ah, ali eu fiquei puto. Mas muito puto, mas pensa em um homem puto, mas puto. Não, eu não fiquei puto, rapaz, eu queria esganar aquele Gusttavo Lima. Mas isso normal. Entendeu? O problema não foi contratar banda, foi ele tirar a minha banda de um dia para o outro. Assim, eu estava tocando e os músicos falaram: ‘temos que ir já’. Falei, ah tomei no c*, igual vaca agora”, disparou Eduardo Costa.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais