Após briga com Leonardo, Eduardo Costa tem mansão bloqueada e bens penhorados pela Justiça

Após fazer apelo para crise financeira e declarar falência, Eduardo Costa é surpreendido com intimação da Justiça e tem mansão penhorada por dívidas

Após expor crise financeira e revelar que está perto da falência por causa da pandemia, Eduardo Costa, que esnobou gravadora após briga com Leonardo e deu declaração polêmica, foi impedido de vender mansão milionária e teve seus bens penhorados por causa de irregularidades.

Acompanhe as últimas notícias do Movimento Country no Instagram

Eduardo Costa, que agora tenta vender sua mansão em Belo Horizonte por R$ 12 milhões, teve seus bens penhorados após os antigos donos abrirem um processo judicial contra o sertanejo, o acusando de querer dar calote na compra.

Na ocasião, de acordo com a jornalista Fabíola Reipert, o cantor sertanejo comprou o imóvel por um valor em dinheiro e, para chegar ao valor necessário, abriu mão de uma casa, uma ferrari, uma lancha e um jetski.

No entanto, os donos foram surpreendidos ao descobrirem que os bens não estavam no nome do sertanejo e, revoltados, abriram um processo contra Eduardo Costa e penhoraram os bens do cantor, além de bloquear a mansão para a venda:

“A casa que ele deu foi construída em uma área irregular e os veículos não eram dele. Nada era dele. O imóvel está bloqueado, quem quiser comprar deverá pagar o dobro do valor”, explicou Fabíola. O processo segue em segredo na Justiça e não há mais informações sobre o desfecho.

Leia também

Cantor faz desabafo sobre crise financeira

(Foto: Reprodução Internet)
(Foto: Reprodução Internet)

Eduardo Costa, que foi vítima de duro golpe e fez apelo aos seus fãs, chocou ao revelar que tem passado por uma grande financeira após o rompimento com Leonardo, resultado da pandemia.

Em uma entrevista ao portal UOL, o cantor falou sobre a crise instaurada pela pandemia de Covid-19 e como isso tem afetado sua carreira, que agora é gerenciada pelo próprio após o rompimento com o Leonardo e a saída da Talismã.

Siga o canal do Movimento Country no YouTube

Eduardo Costa foi sincero ao revelar que, se as coisas não voltarem ao normal logo, não irá conseguir manter sua equipe, já que a pandemia tem trazido consequências financeiras sérias e prejuízos:

“Consegui manter a minha equipe. Mas se eu tiver que segurar mais um pouco, já não consigo mais. Porque todos os negócios estão em queda livre. Não é só a música, todos os meus negócios estão passando por enormes dificuldades. Uma hora essa corda vai arrebentar”.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy