Dupla sertaneja denuncia esquema de corrupção em programas de TV no SBT

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

A dupla sertaneja Sérgio e Manoel pagou R$ 25 mil para cantar no Programa do Raul Gil, mas a emissora embolsou seu dinheiro e nunca exibiu o programa

O SBT tem muito o que comemorar após o cantor Zé Vaqueiro conseguir bater a audiência da Globo recentemente, o que gerou até comemorações internas na empresa, que teria recusado uma possível proposta de um projeto com Eduardo Costa e Ratinho. Apesar das comemorações, Silvio Santos viu sua empresa ser envolvida em um verdadeiro escândalo de corrupção após ser denunciada por uma dupla sertaneja.

– Clique aqui para receber as últimas notícias do Movimento Country no Messenger

A polêmica foi exposta pela dupla sertaneja Sérgio e Manoel em uma entrevista ao colunista Leo Dias. Segundo os cantores, eles chegaram a pagar R$ 25 mil ao SBT para cantar no programa do Raul Gil e o programa chegou a ser gravado em 2019, mas nunca foi ao ar:

“Todos os programas que nós fomos foram pagos. O pessoal que fez a intermediação disse que teríamos que pagar R$ 25 mil para a pessoa que agenciou. Saímos de Belo Horizonte para São Paulo, gastamos com avião para o empresário, van e hospedagem. Gravamos o programa e cantamos duas músicas. Depois de alguns dias, nos avisaram que o programa só iria ao ar no mês seguinte”, disparou um dos integrantes da dupla.

A dupla Sérgio e Manoel revelaram ter participado de um segundo programa do Raul Gil e que este foi ao ar, mas cobram o dinheiro da primeira apresentação da emissora paulista. Pressionada por Leo Dias sobre o esquema de corrupção e do possível golpe à dupla sertaneja, a assessoria do SBT alegou que não cobra para os artistas cantarem em seus programas, ao contrário: pagam cachê.

Assuntos Relacionados 

Após o escândalo vir à tona, uma série de especulações sobre outros programas do SBT começaram a surgir na internet, inclusive envolvendo o apresentador Ratinho, que pode perder seu programa diário na emissora por causa das constantes derrotas de audiência, mas nenhuma notícia sobre o caso foi divulgada.

Silvio Santos barra projeto de Eduardo Costa com ratinho

(Foto: reprodução/SBT)
(Foto: reprodução/SBT)

Após sofrerem prejuízo milionário juntos após um projeto mal sucedido, Eduardo Costa e Ratinho estariam tentando conquistar um espaço nobre na grade do SBT destinado à música sertaneja, mas Silvio Santos não quis dar espaço.

A ideia de Ratinho e Eduardo Costa era de apresentar uma nova versão do “Sabadão Sertanejo“, que era comandado por Gugu nos anos 90. O apresentador, que teve história íntima com um cantor sertanejo divulgada recentemente, levou a música sertaneja ao grande público e foi um completo sucesso de audiência na época.

Segundo uma fonte relata ao Movimento Country, o sucesso de audiência foi a principal sacada de Ratinho para querer trazer Eduardo Costa à emissor. Como já tem décadas na casa e grande influência nos bastidores, o próprio Ratinho estaria fazendo a intermediações das negociações, mas os planos não saíram conforme o combinado.

Apesar do sucesso do quadro, aparentemente Silvio Santos não tem interesse na parceria e acabou por ele mesmo barrar o programa de ir para o ar e vetou a contratação de Eduardo Costa, sendo suas polêmicas excessivas um dos motivos para deixar a parceria de lado. Vale ressaltar que recentemente surgiram boatos de que o “Cabaré” poderia virar um programa fixo na emissora, com a presença de Leonardo.

Veja fotos da gravação do segundo DVD “Cabaré” de Leonardo e Eduardo Costa:

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais