Cantor sertanejo e mulher são assassinados no interior do Espírito Santo

No município de Muqui, interior do Espírito Santo, o cantor sertanejo Carlos, da dupla Carlos e Roniel, e uma mulher foram encontrados mortos

Mais um caso de morte suspeita no meio sertanejo. Isso porque, o cantor Carlos Pastor Neto, da dupla Carlos e Roniel foi encontrado morto na noite da última quarta-feira (14) em Muqui, interior do Espírito Santo. Além do cantor sertanejo, uma mulher também foi vítima de assassinato já que ambos estavam com marcas de tiro.

Na região de Santa Rita, em uma fazenda onde eram caseiros, os corpos foram encontradas por um amigo de Carlos, que tentou fazer contato com o músico mas não conseguiu. Suspeitando de que algo pudesse ter acontecido, ele foi até o local e se deparou com os corpos de Carlos e Maria da Graça Xavier Nalim, que foram encaminhados ao Serviço Médico Legal (SML) de Cachoeiro do Itapemirim (ES).

Por ser distante de outras propriedades, o delegado Antônio Pinto afirmou que ainda não há testemunhas que possam dar pistas do assassino. Segundo a Polícia Civil, a investigação ficará por conta da Delegacia de Polícia de Muqui, que ainda não deteve nenhum suspeito. Contando com o apoio da população para supostas novas informações, as denúncias podem ser feitas anonimamente por meio do Disque-Denúncia 181.

Sobre uma possível motivação para o crime, testemunhas contaram à Polícia que a mulher havia sido ameaçada por seu ex companheiro que não aceitava o fim do relacionamento, e estaria desconfiando de que ela e Carlos estivessem se relacionando.

Assuntos Relacionados 

Após o exame cadavérico que apontará a causa da morte, familiares estariam autorizados a liberarem os corpos. Nas redes, Roniel Cardozo, lamentou a morte do companheiro de palcos: “É com pesar que comunico a todos os amigos e fãs o falecimento do meu amigo, irmão e parceiro de trabalho”, escreveu ele.

Cantor sertanejo Kleber morre de Covid-19

(Foto: Reprodução/Divulgação)

Kleber Oliveira, mais conhecido como um integrante da dupla sertaneja Kleber e Kaue, morreu recentemente no Hospital Estadual de Américo Brasiliense (HEAB), onde foi internado e estava intubado desde maio. Ele tinha 37 anos e mantinha desde 2011 a parceria musical com Kaue Tamburus, de Ribeirão Preto (SP).

A empresa responsável por agenciar a carreira de Kleber e Kaue, Galdencio Produções, comunicou o falecimento e lamentou a morte do artista através das redes: “É com grande pesar que recebemos a noticia do falecimento de Kleber Oliveira, conhecido como Klebinho (Kleber e Kaue). Nossos mais profundos sentimentos aos amigos e toda a família do artista”.

O corpo do músico será enterrado na tarde desta terça-feira (06) em Araraquara (SP), onde ele nasceu. O velório terá início às 13h30 e o sepultamento está previsto para 16h30 no Cemitério das Cruzes.

Kleber era casado e deixa uma filha de 6 anos. Com sua dupla musical, ele emplacou sucessos nas paradas sertanejas como “Tô Vendo Que Você Tá Bem”, “Troféu Solidão” e “Ela Não É Você”.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais