Cantor Leonardo deve anunciar a sua aposentadoria em 2020

0

Leonardo, um dos maiores nomes da música sertaneja,deve se aposentar em 2020 quando completa 57 anos de idade

O cantor sertanejo Leonardo, que ganhou destaque na música sertaneja nos anos 90 com a dupla Leandro e Leonardo deve abandonar os palcos em 2020. Pelo menos são esses os planos do sertanejo, que no decorrer dos últimos anos reduziu drasticamente o número de shows. “Não sei se paro de vez ou diminuo os shows”, revelou Leonardo para os amigos mais próximos.

VEJA TAMBÉM: Marília Mendonça chora na sua despedida dos palcos

O astro da música sertaneja se prepara para gravar o que promete ser o último DVD da carreira e também deve marcar o encerramento das atividades com o lançamento do filme “Não Aprendi Dizer Adeus”, que será protagonizado pelo ator Bruno Gagliasso.

A próxima edição do DVD “Cabaré” que será gravado em janeiro na cidade de Curitiba (PR), já não contará com a sua participação, e Eduardo Costa ficará responsável à dar continuidade ao projeto “carro chefe” da Talismã, a empresa de shows do Leonardo.

Filme sobre a história de Leandro e Leonardo

Está programado para meados de junho o início da gravação do filme “Leandro e Leonardo – Não Aprendi Dizer Adeus” que conta a história da dupla

O ator Bruno Gagliasso já tem seu próximo trabalho no cinemas agendado. Ele viverá o cantor sertanejo Leonardo, no filme Não Aprendi a Dizer Adeus. De acordo com informações do colunista Flávio Ricco, , o filme deve ser lançado este ano. A direção será direção Mauro Lima, que dirigiu sucessos como Meu Nome não é Johnny (2008).

Por enquanto, o ator é o único nome divulgado no elenco do filme, que será baseado na história da vida de Leonardo com o irmão Leandro, com quem formou dupla até 1998.

Antes de surgir para a música nacional, os irmãos, de origem humilde, trabalhavam em uma plantação de tomates da família. No fim dos anos 1980, estouraram com sucessos como Pense em MimDoce Mistério e Eu Sou Desejo Você é Paixão. Protagonizaram especiais na TV Globo, dentre eles o Amigos, ao lado de Zezé di Camargo e Luciano e Chitãozinho & Xororó e venderam mais de 35 milhões de discos.

VEJA TAMBÉM: Cantor Marrone é vítima de golpe e faz alerta aos fãs

Em 1998, Leandro descobriu um câncer de pulmão, e morreu, levando a uma grande comoção no país. Em seguida, Leonardo decidiu seguir carreira solo. Para a família, a produção do filme “Não Aprendi Dizer Adeus” será a maior homenagem para o cantor.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.