Chocante! Cantor sertanejo famoso teria sido enterrado vivo após erro médico

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Segundo fortes rumores, o cantor sertanejo Aladim, da dupla Alan e Aladim, teria sido enterrado vivo e história macabra da sua morte vem à tona

Uma história macabra envolvendo um famoso cantor sertanejo é assunto há décadas na cidade de Mogi das Cruzes (SP) e nos bastidores da música sertaneja, e voltou a ser destaque na internet após uma publicação do portal EnterHits. Trata-se de um boato que o cantor Aladim, da dupla Alan e Aladim, teria sido enterrado vivo.

Muitos enigmas rondam a morte de Aladim, que aconteceu em 1992 e deixou os fãs da música sertaneja enlutados com a perda, já que a dupla sertaneja se consolidava como uma das maiores naquela época. No entanto, a cidade em que ele viveu e foi enterrado nunca mais foi a mesma após rumores surgirem de que ele teria sido enterrado vivo e a família descoberto durante uma inspeção.

Segundo contam Enio Silvério e Reinaldo Barriga no vídeo mais recente do podcast EnterHits, Aladim morreu devido a uma parada cardiorrespiratória em uma cirurgia no dentista, quando a anestesia deu complicações nos órgãos do cantor. Ao que parece, o cantor sertanejo tinha catalepsia, uma doença rara em que o paciente fica incapaz de mexer o corpo, a cabeça ou até falar. Em alguns casos, a catalepsia pode ser confundida com a morte, pois a respiração e o coração também param, podendo durar desde alguns minutos até dias.

Assuntos Relacionados

A descoberta teria acontecido após uma inspeção no túmulo do cantor sertanejo, que deixou dois filhos. Segundo os boatos, Aladim teria sido encontrado revirado no caixão, enquanto a parte interior do mesmo estava toda arranhada pelas unhas do cantor, o que deu a ideia de que ele morreu sufocado quando tentava sair do caixão. Apesar dos fortes rumores, a administração do cemitério local sempre negou os boatos e a família nunca se pronunciou efetivamente sobre o assunto.

Assista o vídeo com os detalhes desta história:

Como ficou a formação da dupla sertaneja após a morte?

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Quatro anos após a morte do cantor sertanejo Aladim, em 1996, a dupla foi novamente formada pela gravadora Copacabana, que gerenciava a carreira da dupla. A escolha veio de uma seleção para encontrar um substituto que assumisse o nome artístico de Aladim.

Após várias tentativas sem sucesso, o parceiro escolhido foi Patrick, um cantor de músicas italianas que se apresentava em São Paulo. A dupla adotou o nome Alan e Alladin (com l’s dobrados e N’ no final). No entanto, a parceria não foi para frente e Patrick se separou, formando a dupla chamada DJ Maluco e Alladin.

Nos anos seguintes, o posto de Aladim foi assumido por Wesimar Assis Carvalho e Arnaldo dos Reis, este último irmão da dupla Gian & Giovani. Patrick se reuniu novamente com Alan no ano de 2012, última mudança da dupla sertaneja.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Acreditamos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais

Privacy & Cookies Policy