Conheça os artistas sertanejos que faturam uma fortuna depois de mortos

Muitos artistas sertanejos que morreram de forma trágica continuam faturando uma bolada com suas músicas e com a sua imagem

A música sertaneja é marcada por momentos tristes que marcam a história. Muitos cantores acabaram morrendo de forma trágica e deixando o público perplexo e de luto.

Contudo, artistas como João Paulo (João Paulo e Daniel), Cristiano Araújo, Gabriel Diniz e Leandro (Leandro e Leonardo), partiram de forma inesperada e deixaram milhares de fãs órfãs em todos os cantos do Brasil.

João Paulo

O cantor João Paulo que morreu em um trágico acidente automobilístico em setembro de 1997 ganhou uma ação milionária contra a fábrica BMW. O processo foi movido pela viúva do cantor e a empresa automobilística foi condenada à pagar R$600 milhões de reais.Este é o valor estimado quanto João Paulo poderia ter recebido desde 1997 se ainda estivesse vivo, e em quanto sua filha e a viúva deveriam receber por mês desde o acidente.

Cristiano Araújo

Cristiano Araújo foi outro cantor que perdeu sua vida em um trágico acidente na estrada. O sertanejo morreu aos 29 após um acidente de carro na BR-153, no km 614, entre Morrinhos e o trevo de Pontalina, em Goiás.

Mesmo assim depois de morto as músicas do “causador de efeitos” continuam entre as mais tocadas nas rádios de todo o Brasil e também nas plataformas de streaming. O cantor deixou um seguro de vida para os seus dois filhos no valor aproximado de R$150 milhões de reais.

Leonardo

O cantor sertanejo Leonardo morreu no dia 3 de junho de 1998, o cantor formava que formava dupla com o irmão Leonardo, morreu vítima de um câncer raro e agressivo, aos 36 anos. A dupla de Goianápolis (GO) estourou em 1989 com o sucesso “Entre Tapas e Beijos”.

Além disso, a dupla apresentou nos anos 90, um programa na TV Globo e gravou 11 discos no total. O lançamento do 12º trabalho estava marcado para o dia 15 de julho de 1998. Até a morte de Leandro foram mais de 15 milhões de discos vendidos. Mesmo depois de morto, a família do sertanejo fatura milhões em royaltes e direitos autorais

Gabriel Diniz

O cantor Gabriel Diniz morreu no dia 27 de maio. A aeronave em que o cantor estava caiu e ele em Sergiope. O artista havia conquistado o Brasil com a que chegou ao auge da sua carreira com o hit “Jenifer”.

No entanto o cachê do artista havia saltado de R$60 mil para R$160 mil reais por apresentação. Com parte do dinheiro que arrecadou, o cantor comprou alguns bens para a família.

No entanto, de acordo com o jornal “Extra”, o famoso comprou uma casa em João Pessoa, onde vivem atualmente seus pais, um sítio no interior da Paraíba e montou uma barbearia, que é comandada por seu pai. Além disso o cantor continua entre os mais tocados do ano e sua família continuam recebendo altos valores dos royaltes e direitos autorais do artista

Comentários