fbpx

Relembre as 7 maiores polêmicas da carreira de Bruno e Marrone

Dupla sertaneja ostenta uma carreira regada à polêmicas.

0

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Traição, ofensa à mulheres brasileiras, acidente aéreo e mais: Confira as maiores polêmicas protagonizadas por Bruno e Marrone

Os boatos da separação de Bruno e Marrone ganharam força após Bruno se apresentar sozinho em diversos eventos, mas foram negados pela dupla. Com isso, os fãs começaram a reclamar das brigas da dupla sertaneja e a conduta regada à bebedeira nas transmissões, que são marca registrada de Bruno e Marrone nestes 30 anos de carreira.

Acompanhe as últimas notícias do Movimento Country no Instagram

Com isso, o Movimento Country listou sete grandes polêmicas protagonizadas por Bruno e Marrone, que envolvem desde traição e embriaguez até acidente aéreo.

Confira abaixo:

1 – Marrone sofre acidente de helicóptero

Em 2011, Marrone sofreu um grave acidente de helicóptero, em São José do Rio Preto, interior de São Paulo. Apesar da queda feia, provocada por problemas mecânicos e que deixou o veículo aéreo aos pedaços, Marrone saiu andando depois da queda, sem ferimentos muito graves.

O piloto e um secretário de Marrone, que também estavam na aeronave ficaram, gravemente feridos e todos foram encaminhados ao Hospital de Base da cidade.

Após se recuperar, Marrone deu uma entrevista dizendo que o acidente foi um aviso de Deus: “A vida é assim, Deus me deu uma freada para colocar nossa cabeça no lugar. Às vezes, a gente está pecando e fazendo coisa errada, então Deus deu uma freada aqui. Só Deus sabe o que faz”.

2 – Bruno sobe embriagado no Palco da Fenamilho

Em uma apresentação na Fenamilho, festa tradicional da cidade de Patos de Minas, o cantor Bruno, da dupla com Marrone, subiu completamente embriagado no palco, onde nem sequer aguentou terminar o show.

Após a revolta dos fãs e presentes que exigiram o dinheiro de volta após o vexame, o sertanejo usou suas redes sociais, onde negou estar sob efeito de álcool e justificou que tinha tomando um remédio muito forte. Bruno ainda se comprometeu à voltar a cidade para uma apresentação gratuita.

Leia também:

3 – Marrone contrata motorista envolvido na morte de Cristiano Araújo

Em outubro de 2015, Marrone contratou o motorista que foi indiciado pela morte de Cristiano Araújo e a namorada Allana Moraes, em junho daquele ano. Na época, Marrone declarou que Ronaldo Miranda era um amigo de longa data e, por isso, decidiu dar uma nova oportunidade:

“O Ronaldo é um amigo meu. Já o conhecia desde quando trabalhava com o Cristiano. É um cara bacana, a gente já tinha uma amizade bacana, toda semana jogava bola juntos, eu, ele e o Cristiano. O Cristiano amava ele, ele amava o Cristiano, então tudo o que aconteceu foi uma fatalidade. O Ronaldo é uma pessoa do bem, tem família para cuidar, então ele merece uma chance. O Brasil inteiro tá apoiando ele, dando carinho. Ele não tem culpa de nada disso que aconteceu. Ele está como meu secretário, fazendo tudo, e dirige também”.

4 – Bruno faz piada Machista e gera revolta

Durante uma live sertaneja recente, Bruno constrangeu a apresentadora Flávia Viana com piadas machistas. Na ocasião, o cantor chegou a perguntar para a celebridade, que está grávida, se ela conhecia o pai de seu filho, além de outras barbaridades.

Bruno chegou a propor para que os dois se encostassem, alegando que “os órgãos sexuais não encostariam, por causa do tamanho da barriga”. As declarações geraram revolta na internet, que criticou – e muito – a ação do cantor. O mesmo pediu desculpas e revelou que “não pode brincar mais com nada”. Flávia Viana também se manifestou, afirmando que ficou constrangida e que brincadeiras tem limite e todos devem conhecê-lo.

5 – Bruno e Marrone rasgam elogios à Bolsonaro e geram revolta

(Foto: Reprodução Internet)
(Foto: Reprodução Internet)

Logo após defenderem o uso de cloroquina, Bruno e Marrone geraram revolta ao apoiar o presidente Jair Bolsonaro em uma live. Na ocasião, Bruno, iniciou os elogios dizendo que Bolsonaro melhorou o Brasil e encheu a boca para chamar o presidente de honesto:

“Eu detesto falar de política, eu gosto de quem faz o bem para todos. Eu falo do Bolsonaro, não que eu seja bolsonarista. Não. Eu falo do Bolsonaro porque ele é um cara honesto. E o que o Brasil estava precisando era de pessoas honestas para limpar essa ‘disgramaiada’ que tava ai, tudo roubando a gente”.

Marrone aproveitou a fala do companheiro para demonstrar seu apoio, dizendo que gostava de Bolsonaro. Logo em seguida Bruno terminou dizendo: “Não quero saber saber se você gosta do Lula, da pu** que pa***, não quero saber. Eu gosto do Brasil, gosto de pessoas honestas”.

Os comentários da dupla sertaneja logo geraram revolta nas redes sociais. Bruno e Marrone foram massacrados nos comentários da live e no Twitter, onde o público já começou a “cancelar” a dupla por seu posicionamento político.

– Siga o Movimento Country: Google News | Instagram | Twitter | YouTube | Facebook

6 – Bruno ofende mulheres brasileiras em show nos EUA

Em um show solo em São Francisco (EUA), em 2011, Bruno gerou revolta ao comparar mulheres brasileiras à piranhas:  “Aqui não sei se tem rio bom para pescar, mas lá no Brasil tem muitos rios maravilhosos para pescaria. E lá tem cada peixão, aqueles peixão com rabão bonito, do rabão grande. Tem muito pirarucu, pacu, tem piranha…”, começou.

“Interessante demais essa pesquisa. As únicas piranhas que saíram de lá vieram morar aqui nos Estados Unidos. Digo, é o contrário! As piranhas, que não eram piranhas, vieram morar aqui nos Estados Unidos, estou falando”, declarou o sertanejo.

As palavras de Bruno tomaram grandes proporções no Brasil e geraram revolta nas mulheres locais, que detonaram o cantor até que ele foi obrigado a se desculpar em seu Facebook, alegando que as pessoas tem o coração maldoso.

7 – Marrone trai esposa e leva troco

Tudo começou quando, em 2012, a esposa de Marrone flagrou o sertanejo ficando com outra mulher em um bar. O fato virou um verdadeiro escândalo familiar e ganhou destaque na mídia, mas a esposa perdoou e seguiu junto com o cantor.

Dois anos depois, em 2014, o troco foi dado e foi a vez de Marrone descobrir a traição da esposa. Na época, a traição ficou debaixo do pano e a assessoria do sertanejo divulgou que a separação teria sido amigável, mas a história não foi bem essa. Cinco anos depois, no final de 2019, Marrone finalmente abriu o jogo e revelou que foi traído na época.

Em entrevista, onde declarou que as mulheres traem mais que os homens, o sertanejo revelou que, na época, seu irmão descobriu a traição e o alertou. Marrone não quis saber de conversa: assim que descobriu, pediu o divórcio.

Será que chumbo trocado dói?

Leave A Reply

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy