Rodrigo Marim é vencedor na categoria Melhor Cantor Jovem

0

Rodrigo Marim também acaba de ser indicado para a categoria Melhor Cantor no novo prêmio Melhores do Movimento Country 2016.

O Prêmio Jovem Brasileiro aconteceu no último domingo e é o primeiro e único evento que incentiva e homenageia o protagonismo dos jovens na sociedade. Rodrigo Marim foi o vencedor na categoria Melhor Cantor Jovem onde concorreu ao lado de nomes como Biel, Gusttavo Lima, Luan Santana, Lucas Lucco, Mc Gui, Mika, Sam Alves, Tiago Iorc e Wesley Safadão. “É um prazer estar aqui recebendo este prêmio. Agradeço demais as minhas fãs que votaram com muito carinho. Este Prêmio vai para a minha família, em especial! Agradeço a  GTS e Live – tamo junto!” disse Rodrigo ao receber o Prêmio.
Rodrigo também acaba de ser indicado na categoria Melhor Cantor no prêmio Melhores do Movimento Country 2016 do site Movimento Country. A votação deu início no dia 26 e vai até o dia 5 de outubro – e Marim está ao lado de nove grandes nomes como Daniel, Eduardo Costa, Gustavo Lima, João Gabriel, Leonardo, Luan Santana, Lucas Lucco, Michel Teló, Thiago Servo.
Rodrigo Marim vai comemorar a sua boa fase da carreira em grande estilo, ao lado dos cariocas, na próxima sexta-feira, 30, no Lapa 40º, no bairro da Lapa, no Rio de Janeiro. A nova música romântica “Anjo”, que já está entre as 20 mais tocadas do País e ganhou versão em vídeo-clipe, está garantida no repertório do show.

SOBRE RODRIGO MARIM:

O cantor nasceu na cidade de Vinhedo, interior de São Paulo, e se tornou músico por influência de seu pai, descendentes de família Italiana e Portuguesa. Após descobrir seu talento musical, Rodrigo contou muito com o incentivo da família e começou a se apresentar em bares. Em 2005, aos 16 anos, o músico conheceu seu primeiro parceiro e formaram a dupla “Rodrigo & Ryan”. Após um ano de shows a parceira chegou ao final por conta dos estudos universitários que Rodrigo pretendia seguir. Com 18 anos, Rodrigo Marim inverteu sua história e deixou a música falar mais alto, trocou o curso universitário pela carreira musical.
Em 2014 participou do projeto Sertanejo Play, e lançou o trabalho que leva o nome #sertanejoromanticosafado e logo depois começou a circular na internet e em comunicadores instantâneos de celulares uma imagem e um texto que alertavam as mulheres sobre um novo sequestrador que estaria rodando por São Paulo. Para espalhar o boato, escolheram uma foto do sertanejo Rodrigo Marim com a disseminação rápida dos meios digitais, logo o cantor tomou conhecimento do fato e tratou de se explicar às fãs nas redes sociais, negando o envolvimento com os supostos casos.
O que ele não sabia, é que o falso boato transformaria a carreira dele. Em pouco tempo, o número de seguidores do músico começou a crescer nas redes sociais e ele virou alvo de tiradas bem humoradas das fãs, que começaram a pedir para serem raptadas por Rodrigo.Depois dessa febre na internet, Rodrigo Marim lançou o primeiro EP “O Sequestrador”, pela gravadora Universal Music.  Dentre as 6 faixas inéditas está o hit “O Sequestrador”.   Depois de reverter a polêmica, Rodrigo tornou-se “A” revelação do cenário sertanejo com agenda de shows lotada e turnê na Europa e Estados Unidos. O primeiro EP digital reúne as músicas, “Arrependida”, “Foi ficando sério”, “Doidona na pista”, “Se vier de graça é caro”,  “O Sequestrador” e “Estilo Bang-bang”. As músicas do primeiro EP digital de Rodrigo Marim passeiam pelo sertanejo suingado e o romântico, os dois carros-chefes deste paulistano que vem conquistando homens e mulheres pelo Brasil. Como ele mesmo define, #SertanejoRomânticoSafado.
Hoje Rodrigo Marim tem 2,3 milhões de seguidores no facebook, 44 mil no twitter e 662 mil no instagram.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here