Especial “Amigos” homenageará o cantor Leandro

0

O especial “Amigos” que irá ao ar no próximo dia 18 de dezembro na TV Globo, vai homenagear o cantor Leandro, que morreu em 1998 vítima de um câncer raro

O show “Amigos” que foi eleito pelo público do Movimento Country como melhor show sertanejo de 2019 já garantiu o seu espaço na grade da TV GLOBO no formato de um especial. O programa que conta com Chitãozinho e Xororó, Zezé Di Camargo e Luciano, e Leonardo, será exibido no dia 18 de dezembro.

Os fãs do cantor Leandro, morto em 1998 vítima de um raro tumor no pulmão, irão se emocionar com a homenagem que o programa fará ao sertanejo. A aparição do sertanejo acontece durante a execução da música Mano

“A parte mais emocionante. Vou chorar demais”, contou Chitãozinho, sobre a ‘participação especial’ do colega.

Segundo Zezé Di Camargo, o programa chegou ao fim há duas décadas porque, na época, todos estavam com as agendas muito cheias, com muitos compromissos, e não tinham tempo para fazer episódios semanais para a televisão.

O filme sobre Leandro e Leonardo chega em 2020

O ator Bruno Gagliasso viverá o cantor sertanejo Leonardo, no filme Não Aprendi a Dizer Adeus. De acordo com informações do colunista Flávio Ricco, , o filme deve ser lançado este ano. A direção será direção Mauro Lima, que dirigiu sucessos como Meu Nome não é Johnny (2008).

Por enquanto, o ator é o único nome divulgado no elenco do filme, que será baseado na história da vida de Leonardo com o irmão Leandro, com quem formou dupla até 1998.

Antes de surgir para a música nacional, os irmãos, de origem humilde, trabalhavam em uma plantação de tomates da família. No fim dos anos 1980, estouraram com sucessos como Pense em MimDoce Mistério e Eu Sou Desejo Você é Paixão. Protagonizaram especiais na TV Globo, dentre eles o Amigos, ao lado de Zezé di Camargo e Luciano e Chitãozinho & Xororó e venderam mais de 35 milhões de discos.

Em 1998, Leandro descobriu um câncer de pulmão, e morreu, levando a uma grande comoção no país. Em seguida, Leonardo decidiu seguir carreira solo. Para a família, a produção do filme “Não Aprendi Dizer Adeus” será a maior homenagem para o cantor.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.