Dobradinha brasileira na etapa da Built Ford Tough Series realizada na cidade de Oakland, CA.

0

O líder e o vice-líder do ranking da PBR fizeram uma dobradinha na cidade de Oakland e abriram uma diferença maior dos seus concorrentes ao título. O evento de Oakland foi realizado nos dias 27 e 28 de setembro.

 

No primeiro dia de montarias, Guilherme montou o touro Air Wolf, um animal considerado bom e obteve 85,75 pontos e Valdiron montou o Team Equine\’s High Roller, um touro que estava invicto e que já tinha derrubado competidores como: Renato Nunes e Sean Willingham. O goiano permaneceu os oitos segundos e obteve 84 pontos.

A melhor nota do primeiro round foi de Renato Nunes, que obteve 88,25 pontos montando o touro Hair Trigger. Robson Palermo e Pim Rosa também obtiveram sucesso no primeiro dia.

No segundo round, a terceira maior nota foi do líder do ranking: Guilherme Marchi, que obteve 88,25 montando o touro Black Dancer, um animal muito complicado e que já tinha derrubado Adriano Moraes e Mike Lee. Ednei Caminhas foi o quinto melhor, montando o touro Mo, que apenas Mike Lee tinha montando e caído com 2,8 segundos. O campeão mundial de 2002 obteve 87,5 pontos. Valdiron foi o sexto, montando o touro Fully Loaded com 86,75 pontos.

Dos quinze finalistas cinco são brasileiros. Ednei Caminhas e Renato Nunes não obtiveram sucesso na final. Robson Palermo fez a 4ª melhor nota da final, montando o touro Blue Boy (um animal que o atleta já tinha montado duas vezes e não tinha obtido sucesso). No terceiro encontro entre o homem e o animal, Palermo obteve 89,75 pontos.

Guilherme Marchi e Valdiron de Oliveira empataram na disputa da maior nota na final com 91 pontos.

Guilherme montou o touro Copperhead Slinger, um animal que o competidor já conhecia muito bem, pois já tinha montado cinco vezes e caído apenas uma. Na sexta batalha o vencedor foi Guilherme, deixando o placar em 6×1.

Valdiron montou o touro Bad Blood, um animal muito complicado com apenas duas paradas. Apenas Guilherme, em Nashiville, e o próprio Valdiron, em Tacoma, conseguiram parar nesse animal. No segundo encontro entre Valdiron versus Bad Blood o competidor obteve 91 pontos.

Na somatória geral, Guilherme Marchi totalizou 265,00 pontos vencendo a etapa de Oakland e abrindo uma diferença de 3.721,50 pontos do segundo colocado.

Valdiron de Oliveira totalizou 261,75 pontos e terminou na segunda posição e manteve o segundo lugar no ranking geral, aumentando a diferença para o terceiro colocado que era de 69 pontos para 603,5. Robson Palermo terminou na quarta posição, Renato Nunes na décima e Ednei Caminhas na décima quarta.

Abaixo o ranking geral da PBR faltando apenas 3 etapas para grande final de Las Vegas:

COMPETIDOR
PONTOS
TOTAL EM TOTAL DÓLAR
DIFERENÇA DO LÍDER
1º Guilherme Marchi
12,488.50
$324,189.90
2º Valdiron de Oliveira
8,767.00
$166,864.44
-3,721.50
3º J. B. Mauney
8,163.50
$232,971.22
-4,325.00
4º Kody Lostroh
8,048.75
$230,536.30
-4,439.75
5º Mike Lee
6,975.75
$300,985.23
-5,512.75
6º L.J. Jenkins
6,739.25
$197,677.16
-5,749.25
7º Renato Nunes
6,675.00
$109,964.15
-5,813.50
8º Ross Coleman
6,109.50
$73,507.97
-6,379.00
9º Travis Briscoe
5,413.00
$249,915.28
-7,075.50
10º Sean Willingham
5,344.00
$160,264.21
-7,144.50
11º Mike White
5,337.00
$106,919.47
-7,151.50
12º Dustin Elliott
5,135.25
$94,306.30
-7,353.25
13º Chris Shivers
4,935.50
$112,332.50
-7,553.00
14º Wiley Petersen
4,926.00
$89,236.76
-7,562.50
15º Ednei Caminhas
4,824.25
$46,709.58
-7,664.25
16º Robson Palermo
4,824.00
$192,021.86
-7,664.50
17º Luke Snyder
4,694.50
$112,371.35
-7,794.00
18º Colby Yates
4,660.00
$75,785.30
-7,828.50
19º Brendon Clark
4,356.00
$78,310.76
-8,132.50
20º Adriano Moraes
4,313.50
$65,570.36
-8,175.00

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here