Cantor sertanejo é acusado de estupro em Minas Gerais

372

O cantor sertanejo Kleber Sena, da dupla Kleber e Gusttavo foi denunciado pela vítima, de 19 anos esta semana.

A Delegacia de Atendimento à Mulher de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, instaurou um inquérito para apurar uma denúncia de estupro contra um músico de uma dupla sertaneja da cidade. Kleber Sena, de 25 anos, integra a dupla sertaneja Kleber e Gustavo.

LEIA AGORA: O cantor Felipe Araújo foi detido em Goiânia sem CNH

De acordo com as informações levantadas pelo site Movimento Country, o estupro teria ocorrido na noite de domingo (7) e foi denunciado pela vítima, de 19 anos, na manhã da segunda-feira (8).

Conforme a assessoria de imprensa da Polícia Civil (PC), a jovem teria conhecido o suspeito durante uma de suas apresentações, em um estabelecimento na Pampulha. Lá o músico teria dito que iria tocar em outro lugar e convidou a vítima e sua amiga que a acompanhava para irem com eles até o estabelecimento. As amigas foram então com a dupla para um bar localizado na rua Professor Gil Diniz, no bairro Arcádia, em Contagem.

Entenda o caso

Após a outra apresentação da dupla, ainda na denúncia feita pela mulher, ela foi convidada por Kleber para ir até o carro dele, tendo se assentado no banco do passageiro. Foi então que ele trancou as portas do carro e, mesmo ela dizendo que gostaria de sair, ele continuou insistindo em transar com ela, sendo que a vítima inclusive chegou a falar que não queria fazer nada pois estava menstruada.

LEIA AGORA: Eduardo Costa dá calote em Gusttavo Lima e assume a dívida

Apesar de todas as tentativas da vítima, o sertanejo teria tirado a calça, colocado camisinha e retirado o short dela, pulando para o banco onde ela estava e estuprando-a em seguida. Após o crime, ele teria repetido diversas vezes para a mulher a seguinte frase: “isso não é abuso”. Após sair do carro, a jovem contou o ocorrido para a amiga, que tirou satisfação com o músico, mas, assim como dito para a vítima, ele continuou insistindo que não houve nenhum abuso.

As amigas foram para casa e, na manhã seguinte, procuraram a delegacia para denunciar o crime.

A investigação

Ainda de acordo com a PC, a delegacia já convidou a vítima para prestar seu depoimento formal e, também, já faz diligências para, entre outras coisas, recolher imagens de câmeras de segurança das proximidades da cena do crime que podem confirmar a dinâmica do estupro. O cantor só deverá ser ouvido pela corporação após essas outras fases serem cumpridas.

LEIA AGORA: Confira os maiores sucessos da música sertaneja no Spotify

O empresário da dupla Kleber e Gustavo, informou apenas que ainda não teve conhecimento da denúncia, já que nem mesmo a polícia os procurou.

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.