Início » Brasileiros que estarão copa do mundo de Barretos
Sem categoria

Brasileiros que estarão copa do mundo de Barretos

Por Eugênio José dos Santos – [email protected]

Em poucos dias vai começar um dos maiores acontecimentos internacionais na área do rodeio: World Cup (Copa do Mundo) da PBR em Barretos.

 Além das boiadas que serão brasileiras, dos competidores brasileiros que representarão nosso país, poucos serão os personagens de nossa terrinha que estarão trabalhando neste mega evento. A PBR tem um padrão para realização deste evento, e poucos foram os convocados e vou destacar aqui dois.

Uma é responsável pela segurança dos competidores, outro registra todos os momentos das arenas. O Salva-vidas internacional “Dici” da dupla Dinho & Dici, e o fotografo André Silva.

André da Silva

Nasceu em Sorocaba, entrou no rodeio em 1997, passou por diversos estágios até chegar à PBR Brasil, foi para os EUA em 2007, e hoje divide a temporada entre EUA e Brasil. Ele nos conta como foi sua convocação:

André, como e quando você recebeu a noticia que seria o fotografo oficial da World Cup?

Estava em casa quando recebi uma ligação da PBR EUA. Era a Camila Bellintani me informando que eu seria o fotografo oficial da Copa do Mundo de montarias em touros. Fiquei muito feliz, e entre tantas noticias boas que já recebi, considero esta uma das melhores no meio profissional.

Qual a emoção de estar na copa?

A emoção de ter a responsabilidade de mostrar para todo o mundo através de imagens, o que aconteceu durante o maior evento das montarias em touros do planeta através da lente de uma câmera.  E tem outra coisa emocionante é o fato de ser lembrando como o fotógrafo oficial da primeira copa no Brasil. 

 E como está sua expectativa diante desta responsabilidade.

Venho me preparando durante anos para momentos como este. Fiz um novo investimento em equipamentos, e acredito na minha capacidade de mostrar ao mundo os melhores lances. Vou fotografar um momento histórico para as montarias em touros no país. Espeto corresponder a altura a expectativa de todos os fãs, e fica o convite para que possam acompanhar meu trabalho no site: www.pbrnow.com.br

Valdecir Augusto Birtche “Dici”

Foi junto com seu irmão Dinho, os primeiros salva-vidas sul americanos a conseguirem um credenciamento na PRCA. Já atuaram nos USA, Guatemala, Austrália, México e principais rodeios do Brasil. Também nos conta como foi sua convocação:

 

Dici como e onde você ficou sabendo desta notícia?

Era por volta das “três” horas da tarde, estava no quarto do hotel “Casa Grande” na cidade de Orlândia/SP. Estava trabalhando na etapa máster da PBR em Morro Agudo , quando recebi a ligação do Flavio Junqueira (diretor da PBR Brasil) me informando que na World Cup, iriam trabalhar “três” salva-vidas. Sendo dois americanos e um brasileiro. E que eu era o convocado para esta missão. Fico orgulhoso de ser salva-vidas brasileiro oficial da Copa do Mundo de Montarias em Touros da PBR. Para mim foi uma das melhores noticias que já recebi em toda a minha carreira.

Qual a emoção de estar na copa?

Mesmo tendo uma carreira internacional, e de estar acostumado com grandes momentos, eu não contive a emoção no momento da convocação, pois, se trata de um fato histórico.  A Copa do Mundo de Rodeio em Touros da PBR é o evento do ano no Brasil, um dos grandes eventos a nível mundial. Eu e me irmão que, já conquistamos muita coisa de expressão em nossa carreira. Fomos os primeiros brasileiros a atuar nos USA, os primeiros sul americanos a conquistar a carteira de Professional na PRCA (Professional Rodeo Cowboys Association) a mais antiga associação do mundo, já trabalhamos em vários países alem dos USA como, por exemplo, a Austrália, Guatemala onde ministramos um curso, tano que, na mesma data do rodeio de Barretos (Copa) meu irmão estará em outro rodeio de âmbito mundial (IPR) no México na Cidade de Chihuahua. Estes reconhecimentos e convocações em diversas partes do mundo nos deixam muito emocionados e gratos.

Como está a preparação e expectativa? Afinal você estará atuando diante dos melhores competidores do mundo!

Eu e meu irmão nos dedicamos muito na profissão de salva-vidas, levamos muito a serio este trabalho, buscamos sempre nos aperfeiçoar, estudamos muito o rodeio, buscando conhecimento e desenvolvendo técnicas. Nesta profissão alem de coragem, audácia, loucura, reflexo, preparo físico, mental, etc.. Também é necessário a calma, discernimento, inteligência, pois ser salva-vidas não é achar que boas passadas, bons movimentos basta, às vezes o que parece ser certo foi o errado, é como uns jogos de xadrez existem movimentos certos, o lado certo, os momentos certos, então alem de toda a adrenalina tem que ser executado o trabalho com racionalidade.

Tecnicamente eu me sinto preparado, conheço o estilo dos salva-vidas americanos, acredito que irei me entrosar muito bem com eles.

As expectativas são a melhores possíveis, estou pronto para representar o Brasil nesta Copa e honrar nosso país. Irei fazer o meu melhor em homenagem a minha família e a todos que acreditam em Dinho & Dici, com a Bênção de DEUS serei grande nesta Copa, pois sem ele serei menor que um grão de areia da arena. Mas. Entrego tudo nas mãos de JESUS e serie grande com ELE.

Legenda: Foto tirada por André Silva do salva-vidas Dici no rodeio de Monte Aprazível/SP

Hedmilton Rodrigues

Radialista com 19 anos de experiência com passagens pela Rádio Transamérica FM e Rádio Cidade FM (SP). Editor sobre música sertaneja com passagens pelos portais POP, Oi e R7.

Comente

Poste seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BARRETOS 2017

Publicidade