Sem categoria

Artistas moldam peças “ao vivo” na Feira Comercial da Festa do Peão.

A miscigenação de povos e de culturas distintas que constituíram o país fez com que a arte nacional se concretizasse de forma rica e criativa.

No último dia 12 foi comemorado o Dia Nacional das Artes. Este mês é, portanto, um momento propício para se conhecer o trabalho de artesões e outros profissionais que estão expondo e comercializando seus produtos na Feira Comercial do Parque do Peão, durante a 51 a Festa do Peão de Boiadeiro de Ródio, que segue até o próximo domingo, dia 27.

Tradicionalmente nas ruas do Parque do Peão há uma gama de verdadeiros artistas de diferentes áreas, como o micro-empresário Luís de Paula, que pela 23 a vez participa do evento. Juntamente com o filho Johnatan e mais dois funcionários, o artista, que trabalha com entalho de madeira, comercializa obras na Festa desde a inauguração do Parque.

Segundo Luís, morador de Mirassol (SP), a Festa do Peão é uma ótima oportunidade para realizar bons negócios. \”Além das peças que vendemos aqui, pegamos muitas encomendas para entregarmos depois\”, afirmou o artista. De acordo com ele, o ano passado um visitante de Festa chegou a comprar uma \”porta para adega\” no valor de R$ 3.000.

No estande de Luís há peças para todos os gostos e bolsos. De placas com nomes gravados por R$ 10, até grandes obras como um quadro com a retratação da Santa Ceia. \”Temos peças de todos os preços. Depende do pedido do cliente\”, disse Luís. Para conhecer as obras deste e de outros artistas, basta ir a Feira Comercial do Parque do Peão.

Movimento Country no Spotify
Movimento Country no Deezer

Publicidade